Agora lendo
Relatório Kuo: iPhone com FaceID e TouchID sob a tela no ano 2021

Ming-Chi Kuo publicou um relatório no qual ele prevê que a Apple irá restaurar o reconhecimento de impressões digitais em iPhones desde o 2021. O analista prevê o lançamento do smartphone da Apple com Face ID e Touch ID na tela.

De acordo com Kuo, muitos obstáculos técnicos serão resolvidos nos próximos meses 18, o que permitirá à Apple introduzir novas tecnologias ao mais alto nível.

O analista da TF Securities considera o reconhecimento facial e de impressões digitais como complementar e acredita que a Apple desejará unificar a experiência do usuário relacionada a ele. A Apple tem patentes sobre o scanner de impressões digitais, o que sugere que a empresa de Cupertino ainda espera nesta tecnologia, especialmente quando se trata de sua integração no display. Não há dúvida de retornar o botão Início.

No entanto, os atuais desafios tecnológicos para o lançamento de componentes de impressão digital sob exibição incluem consumo de energia, tamanho da área de detecção, espessura do módulo de detecção e taxa de rendimento de produção do processo de laminação.

Kuo acredita que os problemas serão resolvidos no próximo ano o mais tardar, o que permitirá projetar telefones para 2021 ano.

A Apple provavelmente usará a variante de tecnologia da Qualcomm. O scanner de impressões digitais será ultrassônico e, provavelmente, colocado sob toda a tela, o que permitirá uma digitalização conveniente.

O analista alega que o Apple Watch poderia, no futuro, obter um leitor de impressões digitais no monitor, o que é mais provável do que colocar componentes responsáveis ​​pelo FaceID nele. Kuo não confirma nenhum trabalho nesta solução ou quando ela poderia estar disponível.

Voltar ao Topo